quinta-feira, 15 de abril de 2010

CAPOEIRA - BENGUELA -

Benguela é o toque mais lento da capoeira regional. Este toque é usado no início das rodas, ou, ainda, para acalmar os ânimos dos jogadores quando o jogo esquenta. É um jogo cadenciado, onde os movimentos são quebrados e passasse para outro. É um jogo jogado mais no chão do que gingando, onde utiliza-se muito a inteligência.Toque criado pelo Mestre Bimba conhecido também como Banguela, era utilizado no jogo de principiantes para soltar o corpo e incorporar a capoeira e também em treinamento de faca. O Mestre chamava o toque e o jogo de Banguela, que não havia canto e se respeitava o comando do berimbau. É muito comum algumas pessoas chamarem o toque de bEnguela com "E", mas segundo alunos de mestre Bimba e pessoas que com ele conviveram diretamente, o nome dado por ele ao toque foi BAnguela com "A" e não com "E".

Capoeira Luta
Representa a sua origem e sobrevivência através dos tempos, na sua forma mais natural, como instrumento de defesa pessoal, genuinamente brasileiro.
Deverá ser ministrada com o objetivo de combate e defesa.

Capoeira Dança e Arte
A Arte se faz presente através da música, ritmo, canto, instrumento, expressão corporal e criatividade de movimentos.
É também um riquíssimo tema para as artes plásticas, literárias e cênicas.
Na Dança, as aulas deverão ser dirigidas no sentido de aproveitar os movimentos da capoeira, desenvolvendo flexibilidade, agilidade, destreza, equilíbrio e coordenação motora, indo em busca da coreografia a da satisfação pessoal.

Capoeira Folclore
É uma expressão popular que faz parte da cultura brasileira, e que deve ser preservada, promovendo a participação dos alunos, tanto na parte prática, como na teórica.

Capoeira Esporte
Como modalidade desportiva, institucionalizada em 1972, pelo conselho nacional de desportos, ela mesma deverá ter um enfoque especial para competição, estabelecendo-se treinamentos físicos, técnicos e táticos.

Capoeira Educação
Apresenta-se como um elemento importantíssimo para a formação integral do aluno, desenvolvendo o físico, o caráter, a personalidade e influenciando nas mudanças de comportamento. Proporciona ainda um auto conhecimento e uma análise crítica das suas potencialidades e limites.

Capoeira Lazer
Funciona como prática não formal, através das "rodas" espontâneas, realizadas nas praças, colégios, universidades, festas de largo e etc, onde há uma troca cultural entre os participantes.

Capoeira Filosofia
Entre muitos fundamentos, trás uma filosofia de vida que prega o respeito ao próximo e aos mais velhos, estes que por sua vez possuem um grau maior de sabedoria. Muitos são os adéptos que se engajam de corpo e alma criando dessa forma uma filosofia de vida, tendo a capoeira como símbolo e até mesmo usando-a para a sua sobrevivência.

Capoeira Terapia
O esporte exerce um papel fundamental no desenvolvimento somático e funcional de todo indivíduo. Para o portador de deficiência, respeitando-se as suas limitações e capacidades, o esporte tem importância inquestionável. A capoeira vem tendo destaque muito grande, não só como esporte, mas, no caso dos portadores de deficiência, ela atua, verdadeiramente, como terapia. Considerando sempre as etapas mentais, cronológicas e motoras do indivíduo, propicia um desenvolvimento orgânico mais satisfatório, melhora o tônus muscular, permite maior agilidade, flexibilidade e ampliação dos movimentos. Auxilia o ajuste postural, bem como o esquema corporal, a coordenação dinâmica e, ainda, desenvolve a agilidade e força. Vale ressaltar que a capoeira proporciona a liberação de sentimentos como a agressividade e o medo, levando o ser humano a adquirir uma condição física mais satisfatória e um comportamento mais socializado.

Nenhum comentário: